Moda Autoral

Moda Autoral

Define-se Moda Autoral, de acordo com o site “Digital Têxtil” de 18 de novembro de 2019, como aqueles “produtos feitos por criadores que acompanham de perto todo o processo de produção. Desde a seleção de tecidos até a chegada da peça ao cliente final”.

Feita em escala menor, tem características muito próprias. A principal delas é ser confeccionada em ateliês que também comportam o espaço de vendas, com decoração que acena para a filosofia da marca. Por isso, o estilista é quem define absolutamente tudo nessa cadeia, da criação, passando pela modelagem, corte e costura, finalização e apresentação. A inspiração das coleções não está atrelada às tendências determinadas por ninguém, ela tem inspiração própria e local. O lançamento dessas coleções também não está atada a nenhum calendário de moda internacional. Portanto, tem seu espaço, seu contexto, seu mote, que são do espírito da marca autoral. Independência total do processo criativo à escolha dos materiais.

Sendo assim, a mão de obra escolhida consiste em poucos artífices, e normalmente a escolha é por pessoal local. A Moda Autoral também têm flertado e muito com os conceitos básicos de respeito ao meio ambiente e ao princípio constitucional da Dignidade da Pessoa Humana. Portanto, o trato com o ecossistema e com a contratação de colaboradores está absolutamente dentro do exigido pela legislação trabalhista e civil vigente.

Inovações

Antenada na indústria textil, pode apresentar peças com inovações tecnológicas como tecidos termoreguladores, antiestresse, termocromáticos, que medem os batimentos cardíacos, com aquecimento USB , novas apostas do concorrido mundo têxtil . A opção também pode ser por tecidos de fibras naturais ou artificiais, mas sempre de origem comprovada. Reciclar e regenerar roupas , aproveitamento de resíduos têxteis, também estão no seu cardápio de inovações.

Contudo, o indivíduo que opta em usar Moda Autoral, normalmente tem um perfil muito próprio, personalidade forte, percepção de mundo aguçada, e mais que tudo está inserido na nova tendência chamada “lowsumerism” ou consumo equilibrado. Tem uma noção de estética muito pessoal, focado nas discussões ambientais, de dignidade e respeito ao ser humano. Usar Moda Autoral é dizer para você mesmo : sou um ser inteligente.

Sobre a autora:

Gostou da coluna? Leia também:

Você conhece Iskra Lawrence?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *